Curtas e Boas! Tornar a tua viagem de finalistas numa missão possível!

O Curtas e Boas está de volta! Desta vez, estamos apostados em virar o teu spring break de pernas para o par e tornar a tua viagem de finalistas uma missão…possível!

Sabemos que o teu orçamento é reduzido e andas sempre à caça dos esquemas que te permitam poupar mais uns tostões! Para além disto, ficares sem viagem não é opção.

Assim, meditámos sobre o assunto e reunimos a nossa equipa de “especialistas” para encontrar formas de viajar, que te permitam celebrar o tão desejado final de curso e coleccionares momentos inesquecíveis.

No top de preferências de qualquer universitário que se preze está, sem dúvida, o InterRail. Quem fez, recomenda e não trocava a experiência por nada!

Se pensas que para uma viagem destas precisas de muito dinheiro, desengana-te: o que é preciso é planeamento e alguma criatividade!

Primeiro, o planeamento é fundamental. Se possível, faz um roteiro completo de onde, quando e como queres ir. Tenta fazer uma projecção das despesas, por dia, de forma a controlares o que podes gastar e onde podes cortar.

Depois, é fundamental teres um espírito aberto e deixares as mordomias de lado. Não te iludas: não vais dormir em hotéis de cinco estrelas, nem jantar em restaurantes sofisticados.

O objectivo principal é conheceres novos sítios, absorveres novas influências e abrires horizontes.

No que diz respeito a transportes, tenta rentabilizar o teu passe de InterRail ao máximo, se possível viajando exclusivamente de comboio. Avião e autocarro, só em último recurso!

O alojamento pode ser outro problema. Aqui, optar pelo mais barato, nem sempre é sinónimo de ficares mal instalado. Para te ajudar tens uma enorme comunidade virtual de viajantes de mochila às costas, mochileiros (em português do Brasil) ou backpackers (em Inglês), que te pode orientar na tarefa.

Para além desta fonte, tens ainda a “bíblia” de qualquer viajante com mochila às costas, com o guia francês Routard. Aqui encontras os melhores hostéis, pensões e albergues com uma relação preço-qualidade muito boa.

Se andar pela Europa com a casa atrás, não é a tua cena…opta pelo IntraRail, em território nacional e monta a tenda. Aproveita os parques de campismo que Portugal tem, com paisagens naturais de tirar o fôlego.

No caso disto não te parecer muito animado, torna-te um autêntico “festivaleiro” e percorre os vários festivais de música, nas tuas férias. Muitos dos passes destes festivais têm o campismo incluído, o que te permite poupares logo uns euros.

Por isso, pega na mochila, no saco-cama e na tenda. Se não tens, crava a quem tenha! Se já tiveste alguma experiência destas, passa pelo Facebook da Rede e partilha com quem precisa. Para além disto, ajuda-nos com a nossa cruzada para chegar aos 20 mil fãs e partilha o Facebook da Rede com os teus amigos.